Give-me a reason.

PICT0067

Esses ventos sofridos trouxeram uma flor sem pétalas. Linda. Provei um azedo-amargo-doce-frio. Logo suas pétalas vieram como fios de cabelo limpos na minha lingua. Fugi. Os tropeços estão todos… E ainda não encontrei a razão que vim buscar, a verdade de desaprendi ainda na infância. Assim fugindo dos devaneios e assoprando com calor a ardencia da ferida exposta descubro uma pontualidade fatal no destino, os erros que nunca falham…

E a razão?

“O que você dá retornará para você, você precisa aprender!”

Gosto do silêncio………………………………………………….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: